Acidente de Chernobyl

O acidente de Chernobyl aconteceu 1986 em uma usina localizada na Ucrânia.

O acidente de Chernobyl aconteceu em 26 de abril de 1986, na usina nuclear localizada na Ucrânia. Um experimento realizado no reator de número 4 fez com que os responsáveis pela unidade quebrassem uma série de regras de segurança.

A irresponsabilidade gerou a maior tragédia nuclear do Leste Europeu. O superaquecimento de um reator deu início a uma bola de fogo que explodiu e espalhou Césio-137 por uma grande região.

O material radioativo lançado no acidente Chernobyl foi quatrocentas vezes mais potente que o lançado nas cidades de Hiroshima e Nagasaki.

O material radioativo tomou conta da cidade ucraniana de Pripyat. A operação de limpeza contou com 600 mil trabalhadores.

Uma enorme parcela da população foi atingida pela radiação. A incidência causou mortes, problemas congênitos e anomalias genéticas.

A nuvem radioativa atingiu a União Soviética, a Europa Oriental, a Escandinávia e o Reino Unido. Foi impossível determinar o número exato de mortes causado pelo acidente na usina de Chernobyl.

Ainda hoje a população que vive na área onde funcionava a usina apresenta número elevado de casos de doenças.

Veja Também

Assembléia Constituinte de 1823

Rodovia Transamazônica

Como foi o governo Lula?

Revolução Francesa

O inicio da democracia no Brasil

Saiba como foi o fim da União Soviética