Análise da obra Quincas Borba

Quincas Borba é mais uma importante obra do grande escritor Machado de Assis.

Quincas Borba é mais uma grande obra de Machado de Assis. Saiba mais sobre o romance!

Quincas Borba é mais uma importante obra do grande escritor Machado de Assis. O livro é resultado de uma série de publicações da revista Estação, lançadas entre os anos de 1886 e 1891.

Quincas Borba é visto como uma continuação do livro Memórias Póstumas de Brás Cubas. A narrativa acontece em terceira pessoa, e está enquadrada dentro do movimento do Realismo Brasileiro.

A obra é vista como uma das mais objetivas de Machado de Assis. O romance completo foi publicado dez anos depois do lançamento de Memórias Póstumas de Brás Cubas.

Quincas Borba é um personagem que fazia parte de Memórias Póstumas de Brás Cubas. Ele era amigo de infância do autor defunto.

Quincas aparece como um homem rico que teria ido à falência e se transformado em mendigo, mas que depois acaba recebendo a herança do autor defunto, voltando a ser rico e se tornando o criador da filosofia do Humanitismo.

O livro apresenta a loucura como tema. A história conta a vida de Pedro Rubião de Alvarenga, ex-professor primário, que se torna discípulo do filósofo Quincas Borba. Depois da morte de Quincas, Rubião é nomeado herdeiro universal do filósofo e tem a obrigação de cuidar de seu cachorro, que também se chama Quincas Borba.

A narrativa apresenta ao leitor os fatos da vida de Rubião, como o amor não correspondido por Sofia, o dinheiro e a loucura. O personagem principal acaba louco, explorado e morrendo na miséria. Isso demonstra bem a filosofia inventada por Quincas Borba, de que a vida é um campo de batalha onde só os mais fortes sobrevivem e os fracos e ingênuos são manipulados e derrotados.

No romance, Machado de Assis é o escritor-narrador. O autor mais uma vez utiliza sua obra para criticar os valores da sociedade da época.

Veja Também

Como passar no concurso público?

Análise da obra Dom Casmurro

Análise da obra Macunaíma

Assonância

O Realismo no Brasil

Aliteração

Concretismo