Animais em extinção

Por causa da ganância do homem várias espécies de animais estão em extinção.

A ganância do homem tem levado diversas espécies animais a extinção. Isso acontece em razão de uma exploração abusiva dos recursos naturais e pela vaidade humana em querer se apoderar de tudo o que a natureza produz.

A beleza e a raridade de certos animais os tornam ainda mais vulneráveis às ações de caçadores. Além disso, outros problemas que agravam o risco de extinção de espécies são o uso irracional do solo e a derrubada de florestas para a criação de áreas de pastagem de gado e espaços destinados à agricultura.

Apenas no Brasil, a lista de animais ameaçados de extinção conta com cerca de 627 espécies, entre invertebrados terrestres, anfíbios, répteis, aves, mamíferos, invertebrados aquáticos e peixes.

A onça-pintada é um dos símbolos das espécies ameaçadas no Brasil. Outros animais em constante perigo de extinção são: o cervo-do-pantanal, o macaco muriqui, a ariranha-azul, o mico-leão-dourado e a tartaruga-de-couro.

Estudos demonstraram que aproximadamente 100 espécies desaparecem por dia no mundo por causa do desmatamento.

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade disponibiliza em seu site um mapa que permite visualizar pelo Google Earth, a lista das espécies ameaçadas nos diversos biomas do Brasil. Existem também hospitais veterinários, como o hospital veterinário São Paulo que é especialista em cuidados com animais silvestres e animais em extinção.

Veja Também


Sistema Linfático

Visão Humana

Esquisofrenia

Origem do Homem

Coração

Sistema Endócrino