Caatinga: A pior seca dos últimos 50 anos

A região da Caatinga brasileira vive a pior seca dos últimos 50 anos.

A Caatinga já é o bioma mais ameaçado do Brasil. Entenda a situação!

A região da Caatinga brasileira vive a pior seca dos últimos 50 anos. Hoje, a Caatinga é considerado o bioma mais ameaçado do país: cerca de 50% da mata nativa da região já foi desmatada.

A Caatinga é um bioma que só existe no Brasil. Ela ocupa 11% do território nacional, e está mais presente no nordeste brasileiro.

A vegetação da Caatinga está presente nos Estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Piauí, Sergipe e Minas Gerais. A palavra caatinga significa “mata branca”, em tupi.

Atualmente, apenas 7,5% do território da caatinga estão em áreas de conservação, e menos de 1,5% do bioma estão em unidades de proteção integral.

A caatinga passa por um processo de degradação ambiental provocado pelo ação do homem. A região tem uma exploração constante de recursos naturais, como carvão e lenha; e passa por um intenso uso de áreas para a agricultura e a pecuária extensiva.

A região também passa por uma estiagem devastadora. Segundo o governo federal, 1.415 municípios da região da caatinga estão sofrendo com a seca. Isso afeta diretamente a vida de cerca de 22 milhões de brasileiros.

Essa situação grave levou o governo federal a investir R$ 32 bilhões em obras estruturantes na região. O objetivo é garantir o abastecimento de água para a população por meio da construção de barragens, canais, adutoras e estações elevatórias.

Veja Também


Microcefalia

O papel do Brasil no mundo

Goji Berry realmente emagrece?

Terrorismo na França – 13/11/2015

Queda de Meteoros

Futuro da saúde do Brasil