Coagulação do Sangue

A coagulação do sangue é um processo desencadeado por alguma lesão nos vasos sanguíneos.

A coagulação do sangue é um processo complexo, resultado de reações químicas do organismo. Saiba mais!

A coagulação do sangue é um processo desencadeado por alguma lesão nos vasos sanguíneos. Isso acontece quando o sangue extravasa dos vasos e chega ao tecido conjuntivo. Por causa da lesão, o sangue fica parado e acumulado num determinado local do corpo.

A coagulação é considerada um processo complexo do organismo. A coagulação sanguínea pode acontecer por via intrínseca, no interior dos vasos sanguíneos; ou extrínseca, quando o sangue extravasa dos vasos para os tecidos conjuntivos.

Na coagulação por via intrínseca o sangue entra em contato com regiões da parede do vaso. Já na coagulação por via extrínseca, a tromboplastina é lançada pelos tecidos lesados.

Esse tipo de problema é comum em pessoas que apresentam deficiências circulatórias. Os coágulos de sangue são combatidos com substâncias anticoagulantes, como a heparina e o dicumarol.

Existem alguns exames laboratoriais que podem determinar o Tempo de Sangramento, o Tempo de Coagulação e o Tempo de Protrombina. Quando a parede de um vaso sanguíneo está lesionada, essa lesão ativa cada vez mais plaquetas que formam um tampão plaquetário. Esse tampão pode bloquear a perda de sangue.

Durante o processo de coagulação são formados filamentos de fibrina, que se prendem às plaquetas. Na maioria dos casos, a coagulação sanguínea é resultado de reações químicas do organismo.

O coágulo de fibrina pode ajudar a parar um sangramento e a reparar um tecido danificado. Mas, quando acontecem desordens na coagulação, surgem problemas de saúde muito graves, como a hemorragia, a trombose e o embolismo.

Veja Também

Sistema nervoso

Reprodução Assexuada

Animais Herbívoros

Membrana Plasmática

Sistema Linfático

Embriologia