Conjuração Baiana

O conflito aconteceu numa busca pela democracia no Brasil colonial.

A Conjuração tinha um projeto emancipacionista e buscava o fim do pacto colonial entre Portugal e Brasil.

A Conjuração Baiana, ou Revolta dos Alfaiates, foi um movimento liderado por Cipriano Barata. O conflito aconteceu numa busca pela democracia no Brasil colonial.

A Conjuração tinha como base um projeto emancipacionista, que buscava uma sociedade democrática e igualitária. Os rebeldes exigiam a diminuição dos impostos, a proclamação da República, a abertura dos portos, o fim do preconceito racial e o aumento dos salários.

A revolta teve início em agosto de 1798, quando os líderes do movimento passaram a distribuir panfletos chamando a população a se unir pela causa. A conjuração foi um movimento semelhante à Inconfidência Mineira, e da mesma maneira levou à denúncia e punição de centenas de pessoas.

Até hoje, a Conjuração baiana de 1798 é considerada o movimento mais forte em relação aos objetivos políticos da época do Brasil colônia. Os conjurados baianos exigiam o rompimento do pacto colonial entre Brasil e Portugal, além de pedirem a abolição da escravatura.

O movimento foi impulsionado pelas péssimas condições de vida encontradas no Recôncavo Baiano no fim do século 17. Com o tempo, a Conjuração baiana se tornou um movimento organizado por mudanças políticas e sociais.

O médico Cipriano Barata foi um dos mais ativos no movimento. Assim, a conjuração uniu pessoas influentes na sociedade a brancos, mulatos e negros livres, dando forma a um movimento popular constituído por diferentes classes sociais.

Outras lideranças do movimento foram: João de Deus Nascimento, Manuel Faustino dos Santos, Luís Gonzaga das Virgens e Lucas Dantas Amorim Torres.

Em determinado momento, as autoridades coloniais reagiram ao movimento, causando uma repressão violenta que conseguiu desarticular a revolta dos conjurados baianos.

Com o fim dos conflitos, muitos rebeldes foram presos, principalmente os revolucionários das classes mais pobres. Os líderes do movimento, que vinham de importantes famílias da sociedade e que estavam ligados a sociedade maçônica “Cavaleiros da Luz”, foram presos temporariamente.

Veja Também


Consequências da primeira guerra mundial

Consequências da segunda guerra mundial

A crise do absolutismo inglês

Cortina de Ferro

Breve história da Onu

O Brasil Holandês