Cortina de Ferro

A Cortina de Ferro, estavam sobre o regime comunista.

Uma política de isolamento lançada pela União Soviética, depois da segunda guerra mundial. Depois da Guerra Fria os países viviam em intensidade, por uma possível terceira guerra mundial.

A Cortina de Ferro, estavam sobre o regime comunista. Sob controle da Europa era influência da União Soviética.

Os blocos divididos pela cortina de ferro divergiam diversos aspectos.

Leia o discurso de Churchill no Westminster College, em Fulton, no Missouri, Estados Unidos, em 5 de março de 1946:

De Estetino, no mar Báltico, até Trieste, no [mar] Adriático, uma cortina de ferro desceu sobre o continente. Atrás dessa linha estão todas as capitais dos antigos Estados da Europa Central e Oriental. Varsóvia, Berlim, Praga, Viena, Budapeste, Belgrado, Bucareste e Sófia; todas essas cidades famosas e as populações em torno delas estão no que devo chamar de esfera soviética, e todas estão sujeitas, de uma forma ou de outra, não somente à influência soviética mas também a fortes, e em certos casos crescentes, medidas de controle emitidas de Moscovo.

O fim da cortina de ferro só foi desfeita entre 1989 e 1991 com os governos comunistas.

Veja Também


A invenção do Velcro

História do Rádio no Brasil

Revolta da Chibata

Colonização

Fases do Capitalismo

Revolução Francesa