Formações litorâneas

As formações litorâneas do Brasil são bastante diversas e guardam grandes belezas.

Os principais tipos de formações litorâneas são o mangue, a restinga, as dunas e a vegetação de praia.

As formações litorâneas do Brasil são bastante diversas e guardam grandes belezas. As paisagens naturais típicas do litoral contam com vegetações e relevos variados.

As formações litorâneas correspondem a coberturas vegetais que revestem as áreas do litoral. Encontramos esse tipo de formação em toda a região costeira do Brasil.

Essas regiões se diferenciam por causa do solo e do índice de umidade. No que diz respeito à vegetação, temos cinco tipos de formações no litoral brasileiro. São elas: mangues, restingas, dunas, falésias e praias.

Veja:

Falésia - Formação litorânea que nasce dos processos erosivos naturais, e que está condicionada ao nível relativo do mar e às mudanças climáticas que ocorrem há milhões de anos na Terra. Essas formações são grandes paredões íngremes esculpidos pela ação da água do mar.

Mangues – São um tipo de vegetação formada por plantas que se adaptam facilmente a condições de salinidade e pouca oxigenação do solo. São áreas alagadas pelas águas do mar e que apresentam muitos arbustos e composições arbóreas. Os caranguejos vivem e são extraídos dos mangues.

Restingas - São um tipo de formação vegetal que contém espécies herbáceas, arbustivas e arbóreas.

Vegetação de dunas - Formada por plantas rasteiras, de raízes profundas que se estendem horizontalmente.

Vegetação de praias: Áreas com plantas halófilas, que se adaptam à elevada quantidade de sal. Tem vegetação arbórea-arbustiva.

Veja Também


Qual o vulcão mais ativo do mundo?

O que são cânions?

Petróleo no Brasil

Buraco Negro

Ciclo Hidrológico

Estados do Brasil