Goji Berry realmente emagrece?

Goji Berry, como já dito, é uma fruta de origem Chinesa que chegou ao nosso país há pouco tempo.

O desejo pelo corpo perfeito e sem gordurinhas localizadas não é um sonho de poucas, mas sim, de muitas e não digo apenas do público feminino, atualmente, muitos homens decidem atentar um pouco mais para sua aparência e saúde.

Entretanto, hoje em dia vivemos dias corridos, onde ao olharmos para o relógio, percebemos que o tempo não correu, mas sim voou. E, no meio de tanta loucura e pressa, em muitas vezes não existe espaço para academias ou simplesmente para uma boa caminhada pelo nosso bairro.

Mas, por causa dessa falta de tempo, felizmente (ou infelizmente) surgem alimentos que prometem acabar com aquelas gordurinhas tão indesejáveis, que é o caso desta que trazemos em destaque no artigo com a pergunta: Goji Berry realmente emagrece?

Antes de respondermos a pergunta, vamos falar um pouco mais a respeito dessa frutinha Goji Berry que, particularmente ao pegar a pauta pensei: Whats is this? Bom, Goji Berry, como já dito, é uma fruta de origem Chinesa que chegou ao nosso país há pouco tempo, mas com grandes expectativas em termos de perda de peso.

Mas, para quem não sabe muito a respeito, vamos lá. A Goji possui um alto nível de Vitamina C, não vou falar de números e nem de analogias com outras frutas pelo fato de ainda não existir nada exatamente correto, tudo é base de estudo. Antes de qualquer coisa, vale lembrar que essa fruta só é encontrada por aqui na sua forma desidratada ou em pó.

O fato da fruta ajudar na perda de peso saiu de estudos realizados nos Estados Unidos, com base em números de necessidade de Vitamina C no corpo masculino/feminino que auxilia na queima de gorduras. A universidade do Arizona sugeriu que, pessoas que não ingeriam determinada quantidade de Vitamina C tinham dificuldade em queimar gorduras.

E realmente, a Vitamina C é extremamente importante para o nosso organismo, a carência desta pode complicar o funcionamento das células já que não funcionariam de forma eficiente.

Os estudos revelaram que, na verdade, não é o fruto em si que emagrece mas sim a monitoração de calorias consumidas, portanto, podemos dizer que está fruta, na verdade, não emagrece, pelo contrário, caso ingerida de maneira exagerada, pode até trazer alguns quilos a mais.

Veja Também

Histórico do conflito entre Israelenses e Palestinos

Vacina da Dengue

Assuntos mais abordados em sala de aula

Ranking do Brasil na educação 2013

Influência dos jogos eletrônicos na educação

Programa mais médicos