Início do estado de Israel

O estado de Israel foi delimitado pela Organização das Nações Unidas.

O estado de Israel, país localizado na região leste do litoral do Mar Mediterrâneo, teve início em 1948, com o retorno dos judeus à região. O estado de Israel foi delimitado pela Organização das Nações Unidas.

O país está na região da antiga Palestina, de onde os judeus foram expulsos há 2000 anos. O estado de Israel enfrenta até hoje um conflito com os vizinhos árabes, que rejeitam a partilha da Palestina.

Os judeus viveram na região da Palestina por volta de 2000 a.C, mas os ataques de povos babilônios, assírios, persas, gregos e romanos resultaram na expulsão dos judeus do território.

Depois de expulsos da Palestina, os judeus se espalharam pelo mundo e só retornaram à região em 1948. O processo que levou os judeus de volta a sua terra natal teve início em 1917, quando o Reino Unido ocupou a Palestina e declarou apoio ao estabelecimento de uma nação judaica na região.

O regime nazista de Adolf Hitler intensificou a migração de judeus para a Palestina a partir de 1933, o que resultou em conflitos violentos contra os árabes.

Depois da Segunda Guerra Mundial, aumentou a pressão e o apoio internacional para que fosse criado um estado judaico. A morte de cerca de 6 milhões de judeus no holocausto nazista fez com que a ONU passasse a atuar para garantir a tranqüilidade dos judeus e a instituição de Israel após o fim dos conflitos.

Em 1947, sem consultar os árabes-palestinos, a ONU aprovou a divisão da Palestina em dois Estados – um judeu e outro árabe.

O Estado de Israel foi oficialmente fundado em 14 de maio de 1948, e de lá para cá vários conflitos armados e ações extremistas aconteceram na região.

Veja Também

Saiba como é escolhido o nome para um furacão

A ciência no século XIX

Insurreição Pernambucana

O que foi o golpe militar no Brasil?

A Revolta de Canudos

Mulher da Idade Média