Click EstudanteHistóriaO Brasil na Primeira Guerra Mundial

O Brasil na Primeira Guerra Mundial

Autor: Click Estudante

Lido: 5807 vezes

O Brasil na Primeira Guerra Mundial
A participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial limitou-se ao patrulhamento do Oceano Atlântico e também à organizar equipes de auxilio médico, contudo a economia do país foi afetada diretamente, devido a atenção européia para a fabricação de armas, munições, veículos de combate, vestimentas e equipamento para soldados, ignorando completamente a necessidade de alimentos e matéria-prima, o mercado acabou sendo dominado pelos países produtores: Argentina e Uruguai que exportavam carne e trigo e, o Brasil, café, açúcar, cacau e borracha.

No mês de abril de 1917, próximo ao Canal da Mancha, os alemães abateram o navio Paraná, seis meses mais tarde, o Macau, indignados com os ataques. Na época, o presidente Venceslau Brás firmou aliança com os países da tríplice entente (estados unidos, Inglaterra e franca), em oposição ao outro grupo formado pelo império austro-húngaro, Alemanha e império turco-otomano. Entretanto, sem contar com uma tecnologia bélica a altura dos demais países, podemos considerar que a atuação brasileira neste episodio da história foi ínfima.

Para cumprir seu papel designado na guerra, o Brasil enviou sete embarcações para frustrar possíveis ataques de submarinos alemães: dois cruzadores, quatro contratorpedeiros e mais um navio auxiliar. A tripulação destes navios, mesmo por um curto tempo, foi vitima da epidemia de gripe espanhola que assolava a Europa no período. A experiência de maior sucesso do país é atribuída foi o envio de soldados para lutarem ao lado dos franceses e britânicos.

O mais conhecido caso de participação brasileira se refere ao militar Jose Pessoa Cavalcanti de Albuquerque, mas participou também na frente ocidental e na região da Jutlandia. O Militar Jose Pessoa foi responsável pelo comando de pelotões de cavalaria francesa e uma unidade de tanques, e sua experiência no campo de batalha, abriram as portas para que o Brasil adquirisse seus primeiros carros blindados.

A participação do país, em termos de combate foi tímida, no entanto, marcou sua presença no envio de suprimentos agrícolas e matéria prima procurada pelas nações em conflito. As implicações devido a primeira guerra ao nosso pais foram significativas em nossa economia, a retratação econômica sofrida pelas potencias industriais européias abriram as portas para que o parque industrial se desenvolvesse.

Comentários

Sugestões de Artigos

O Brasil na Primeira Guerra Mundial
O Brasil na Primeira Guerra Mundial

O Brasil foi fundamental no envio de suprimentos a...

Biotecnologia
Biotecnologia

Biotecnologia ramo da ciência que analisa a utiliz...

Diversidade Cultural
Diversidade Cultural

A diversidade cultural é caracterizada pela riquez...

O que é homeostase?
O que é homeostase?

Você já parou para pensar em como seu corpo funcio...

Gênero narrativo
Gênero narrativo

Os primeiros importantes textos narrativos foram a...

Revolta da Chibata
Revolta da Chibata

Nesse período, os oficiais da marinha tinham que c...

Cortina de Ferro
Cortina de Ferro

A Cortina de Ferro, estavam sobre o regime comunis...

Alta do Dólar em 2013
Alta do Dólar em 2013

Em 2013, o dólar já alcançou o valor de R$ 2,45....

Fases do Capitalismo
Fases do Capitalismo

O atual sistema econômico e político do mundo, o c...

História do Cangaço
História do Cangaço

Cangaço foi um movimento armado que se iniciou no ...

Aquecimento Global no Brasil
Aquecimento Global no Brasil

O Brasil é um país conhecido por não acontecer gra...

Rococó
Rococó

O estilo artístico Rococó se iniciou no sul da Ale...

© 2016 - Click Estudante - Pesquisas e Trabalhos Escolares |