O que é Matéria Escura?

Muitos estudos foram realizados para descobrir um pouco mais a respeito da matéria escura.

A matéria escura não pode ser observada por não emitir luz alguma, mas sabemos que ela existe por meio dos cientistas que conseguiram medi-la por causa da força gravitacional que exerce e também que é um componente muito importante para o universo, afinal de contas, sem ela não haveria o que conhecemos como universo.

Muitos estudos foram realizados para descobrir um pouco mais a respeito da matéria escura e, o mais defendido é que ela seja composta por prótons, elétrons e por partículas subatômicas. Porém, indetectável pelos instrumentos atuais dos cientistas.

Fritz Zwicky, um astrônomo húngaro naturalizado nos Estados Unidos, na década de 1930, ousou calcular a massa de algumas galáxias e, percebeu que era 400 vezes maior que as estrelas observadas. Nos estudos do professor, foi observado que ela não é apenas um mero detalhe do acaso, mas sim uma parte fundamental para a nossa própria existência, afinal de contas, o nosso planeta também está inserido em uma galáxia e, por consequência, entalhada na matéria escura.

Para se ter uma noção de sua importância, estudos atuais indicam que essa matéria que não conseguimos ver, mas que existe, corresponde a 95% do Universo, ou seja, apenas 5% é formado por galáxias. Agora, pare para pensar nesses números e tente imaginar o tamanho de algo que não vemos, mas que temos que compreender que existe... É espaço que não acaba mais.

E, para encerrar vale esclarecer que os buracos negros não possuem nenhuma similaridade com a massa escura, pois eles, além de ser um objeto astrofísico com gravidade tão forte que nem mesmo a luz é capaz de escapar de sua força, afirmou o astrônomo Enos Picazzio da USP de São Paulo.

Veja Também


Energia Elétrica

Leis do eletromagnetismo

Teoria Quântica

Campo Gravitacional

Explicação – Choque quando tocamos em outra pessoa

Energia geotérmica