Você está aqui: Click Estudante » Biologia » Origem da vida no nosso planeta

Origem da vida no nosso planeta

Por Click Estudante - Publicado em 14/09/2011

O Planeta Terra se formou há cerca de 4,5 bilhões de anos. Sua superfície era constituída basicamente por magma quente. Logo depois, com o resfriamento do magma, surgiram as rochas. O primeiro indício de vida na era geológica data de 3,5 bilhões de anos atrás.

Como é impossível voltar no tempo e analisar de maneira real como teria surgido a vida naquelas condições, algumas teorias científicas foram apresentadas a fim de demonstrar como teria surgido a primeira vida no planeta.

Teoria da geração espontânea: cientistas acreditavam até meados do século 19 que a vida poderia ter surgido de matéria bruta. Acreditavam, por exemplo, que crocodilos e jacarés surgiam através do lodo dos rios e que vermes simplesmente apareciam nos corpos em decomposição. Essa teoria pode ser também conhecida como teoria da abiogênese.

Teoria da biogênese: cientistas passaram a contestar a teoria da geração espontânea. Experimentos dos cientistas Luis Pasteur e Francesco Redi relataram como teria surgido a vida não de matéria bruta, mas através de outra vida.

Redi começou sua investigação através dos vermes encontrados nos corpos em decomposição. Ele observou que moscas colocam seus ovos neles. Desses ovos surgem larvas. As larvas são conhecidas como vermes. Logo, os vermes que aparecem nos corpos não são geração espontânea de vida, mas sim larvas de moscas. Para testar a hipótese, Redi colocou pedaços de carne crua dentro de frascos, deixando alguns cobertos com gaze e outros abertos. Segundo a teoria da geração espontânea, deveriam surgir larvas em todos os pedaços de carne. Mas isso não aconteceu. Nos frascos abertos apareceram larvas e moscas sobre a carne. Nos frascos cobertos não foi gerada nenhuma forma de vida. Os experimentos de Redi foram aceitos até a descoberta de microorganismos.

Pasteur realizou experiências que determinam até hoje a teoria da biogênese como explicação para o surgimento da vida no planeta. O cientista utilizou caldo nutritivo para seu experimento. O caldo era fervido para ser esterelizado. Depois, o líquido era isolado do ar e continuava esterelizado. Logo, o mesmo líquido voltava a ter contato com o ar e era notado que em pouco tempo o líquido voltava a desenvolver microorganismos. A teoria mostra que no ar contém microorganismos que em contato com líquido nutritivo podem se desenvolver e se proliferar.

Algumas outras teorias também foram desenvolvidas. Há hipótese da vida ter surgido em nosso planeta por origem extraterrestre. Os seres vivos teriam sido trazidos ao nosso planta pelos meteoritos que aqui caíram. Essa teoria não é muito aceita. Se a vida não se formou na Terra e sim em outro planeta, como ela teria surgido em outro planeta?

As religiões apresentam a origem da vida pela criação divina. Essa hipótese é até hoje aceita por fiéis de várias religiões.

Links relacionados:  terra |   vida |   surgimento da vida |   microorganismos |   seres vivos |   religiões | 

Sugestões para biologia:

Efeito Placebo

Efeito Placebo Você já ouviu falar que se você pensar que pode se curar, realmente a cura pode acontecer?

Categoria:
Matéria escolar lida 19 vezes

Qual a duração das plantas?

Qual a duração das plantas? Ouvimos falar que existem árvores centenárias, mas que realmente é a durabilidade das plantas?

Categoria:
Matéria escolar lida 150 vezes

Elo Perdido

Elo Perdido Em 1974, na Etiópia, foi descoberto restos de uma forte candidata ao ser humano mais antigo já encontrado.

Categoria:
Matéria escolar lida 224 vezes

Crustáceos

Crustáceos Os crustáceos são conhecidos por esse nome devido ao seu exoesqueleto que é formado de carbonato de cálcio o responsável pela formação de uma crosta.

Categoria:
Matéria escolar lida 248 vezes