Quem foi Maomé?

Maomé foi considerado um profeta, líder religioso, político e fundador da religião Islã.

Maomé nasceu dia 06 de Abril de 570 em Meca, cidade da Arábia Saudita, considerado pelos muçulmanos a cidade mais sagrada do mundo.

Maomé foi considerado um profeta, líder religioso, político e fundador da religião Islã.

Ele não é considerado um ser divino, mas sim um ser humano perfeito e cheio de virtudes.

O nome original de Maomé é Abu al-Qasim Muhammad ibn Abd Allah ibn Abd al-Muttalib ibn Hashim.

Em sua cidade natal, Meca, Maomé combateu o que ele considerava pecado, e passou a se dedicar nas meditações e escritas.

Em 610 se casou com uma viúva chamada Cadija e recebeu a visita do anjo Gabriel, segundo os relatos escritos na doutrina islâmica.

Suas pregações em Meca, fez com que a elite da cidade expulsasse Maomé, fugiu para Yatreb, se tornou líder político e religioso, posteriormente conquistou Meca e se tornou um local sabrado.

Com 62 anos de idade, no ano de 632 em Medina, Maomé morreu. Um ano antes se dirigiu aos seguidores e fez seu último sermão.

Após sua morte e de ter deixado diversos pensamentos e pregações, uma doutrina se criou, o Alcorão, um livro sagrado da religião Islã.

Hoje a religião Islã, criada por Maomé é considerada a segunda em número de adeptos, apenas superada pelo Cristianismo. Alguns seguidores do Alcorão, considerado Extremistas, são inimigos do Ocidente, diversos atentados terrorista em nome do líder Maomé estão amedrontando o mundo inteiro, todos os anos.

Mas não se pode generalizar e dizer que todos os muçulmanos são extremistas, a maior parte, pregam pela paz e o diálogo.

Veja Também


Hermes da Fonseca

John Davison Rockefeller

Guy Fawkes

Pelé – A História de um Rei

Cartola

Hugo Chávez