Ritmo

O ritmo tem a função tão importante quanto na música.

Na literatura o ritmo tem uma função tão importante quanto na música. Os poemas apresentam o ritmo por meio da figura da métrica.

O ritmo do poema está, principalmente, nos efeitos sonoros utilizados na construção da obra, por meio das vogais e consoantes.

O conceito de ritmo determina as pausas de leitura entre um verso e outro. A posição das sílabas tônicas e átonas define o ritmo.

A unidade rítmica do poema é chamada “pé”. O ritmo é determinado pela alternação das sílabas tônicas presentes na composição poética:

“O vento varria as folhas,

O vento varria os frutos,

O vento varria as flores…

E a minha vida ficava

Cada vez mais cheia” (Manuel Bandeira)

Veja Também

Como passar no concurso público?

Literatura quinhentista

Gênero narrativo

Prosa Naturalista

Métrica

Classicismo

Análise da obra Dom Casmurro