Arte renascentista

A Arte de Renascentista surgiu no momento do Renascimento, quando houve um resgate de cultura clássica greco-romana.

Como o próprio nome já diz, a Arte Renascentista surgiu no momento do Renascimento, quando houve um resgate da cultura clássica greco-romana. Características da antiguidade, adaptadas a um toque de moderna, marcaram esse momento.

Na arquitetura, as igrejas cristãs passaram a adotar os padrões clássicos e a construção de palácios e mosteiros seguiram esses modelos.

A construção clássica estava baseada na geometria euclidiana, que tinha como base um quadrado, aplicando-se a perspectiva; era preciso alcançar uma construção harmônica.

A arte renascentista era racional. A escultura também foi uma forma de expressão artística conceituada nesse momento histórico. Essa arte tinha uma forte conotação humanista.

O renascimento destacou obras com figuras humanas, focando principalmente a expressão corporal que garante o equilíbrio das obras. O nu também volta a ser utilizado refletindo o naturalismo. Entre as obras destacam-se a "Estátua Eqüestre" de Donatello.

Já na pintura renascentista os artistas utilizavam a perspectiva, a variação de cores frias e quentes e o manejo da luz. Uma das obras mais famosas desse momento é a "Monalisa" de Leonardo da Vinci, que se encontra no Museu do Louvre – em Paris.

Veja Também


Arte Abstrata

Cinema

Cubismo

Simbolismo

Dadaísmo

Arquitetura