Desenvolvimento do Brasil

Nem sempre o Brasil esteve tão bem, o país já ocupou altos indíces de inflação e pobreza ao extremo.

O Brasil é um hoje um país em desenvolvimento, potência econômica em algumas áreas e com vastos recursos para, em breve, colocar-se como nova força mundial. Visto por muitos economistas como o país do futuro, o Brasil tem se destacado no grupo dos Brics, os países emergentes, e tem alcançado prestígio internacional, com uma política econômica séria, geração de renda e desenvolvimento social.

Mas nem sempre o Brasil esteve tão bem. O desenvolvimento do país contou com epsódios preocupantes, com altos níveis de inflação e pobreza.

O país conseguiu pagar sua dívida externa, de empréstimos feitos junto ao FMI, e estabelecer uma moeda forte e competitiva, o Real.

Nos últimos anos, principalmente no final do governo de Fernando Henrique Cardoso, e nos anos de governo de Luis Inácio Lula da Silva, a população brasileira teve seu poder de compra aumentado, graças a política que procurou beneficiar os mais pobres, com programas assistencialistas como o Bolsa Família.

O Brasil também se tornou um grande exportador de produtos agrícolas e agropecuários, além de ter alcançado sua autosuficiência em petróleo, com as descobertas do Pré-sal feitas pela Petrobras.

A indústria aeronáutica também se desenvolveu e hoje o Brasil tem uma das maiores empresas de aviação do mundo, a Embraer. Além disso, várias empresas se estabeleceram no país, apostando na grande perspectiva ecoômica para os próximos anos.

Veja Também

Mobilidade Urbana no Brasil

25 anos da Constituição Federal

Ranking do Brasil na educação 2013

Irã e a Bomba Nuclear

Fundo de Financiamento Estudantil

Sistema partidário brasileiro