O que é o Estado Islâmico?

Até esse momento, o pior dos ataques foi o Terrorismo na França.

Após a Guerra do Iraque em 2003 e o fim da Al-Qaeda e suas derivações com outros grupos, um novo grupo terrorista estava a nascer e criar seguidores, o Estado Islâmico foi criado em 2014, O EI (Estado Islâmico) tem como seu líder, Abu A-Bagdhadi e autoproclamado califa da região que o Estado Islâmico tomou posse. Califa são os sucessores de Maomé, o Estado Islâmico se pauta em Sharia, uma lei Islâmica, seu propósito é tentar converter todos ao Islã, sua regra é, se curve ou morra.

O Estado Islâmico apareceu ao público, após sequestrarem pessoas de diversas profissões e nacionalidades e decapitá-los, gravaram vídeos e amedrontaram o mundo com diversas ameaças terroristas. O método de expandir a religião é terrorista, forçar as pessoas a se converter ao Islã, como se não dessem outra alternativa a essas pessoas, é cruel e desumano.

Até esse momento, o pior dos ataques foi o Terrorismo na França - 13/11/2015, onde diversos lugares em Paris foi vítima de atentado terrorista.

O que é mais curioso nesse grupo terrorista, é o número de adeptos de várias nacionalidades, convencendo jovens jihadista a serem cruéis e assassinos, para uma causa sem fundamento e totalmente distorcido da própria religião que dizem que segue.

Desde que o grupo terrorista foi criado, coalizões, lideradas pelo Estados Unidos e Rússia vem fazendo ataque ao EI, principalmente após o atentado de Paris.

Veja Também


Leilões do Pré-Sal

O que é o Sisu?

Etanol e Biodiesel

Democracia no mundo árabe

Relação das Redes Sociais nos Protestos

Liberdade de imprensa na Argentina